Necessidade, Desejo e Demanda na vida, no consumo e no tempo.

Independente do que você faz na vida, a gestão do tempo e gestão financeira sempre será um desafio. Parece que quanto mais velho a gente fica mais devagar o tempo passa e mais depressa o dinheiro acaba.
Esses dias eu acordei com 3 palavrinhas ‘mágicas’ na minha cabeça, depois de uma noite que fui dormir com uma nota mental “preciso de tal coisa…” “queria aquela outra…” “tô precisando tanto de tal coisa…”
Se você está sonhando com alguma coisa que vai exigir do seu dinheiro tipo: comprar um carro, um apartamento, casar ou fazer um investimento na sua empresa, essas 3 palavrinhas precisam começar a fazer parte do seu cotidiano:
Necessidade, desejo e demanda! 
Hoje eu não vim trazer o conceito ou fundamento do marketing baseado nesses pilares. Eu vim falar da “necessidade, desejo e demanda” dentro da nossa realidade quanto a priorização das nossas tarefas e gastos (já que estou falando de dinheiro). Parece que a quando a priorização vira um estilo de vida sobra tempo e dinheiro (será?). Bom, eu acredito que sim.
Estou sempre lendo artigos e livros sobre produtividade e toda hora aparece a palavra “prioridade”, pelo menos umas 80 vezes. Tipo a receita de bolo para o sucesso sabe? “Se você quer ter sucesso, saiba priorizar suas tarefas”.
Então, acho que somos pessoas que não aprendemos ou não sabemos dar prioridade ao que tem que ser prioridade na nossa vida.
Vamos categorizar nossos gastos? Um exemplo bem bobo que pode variar de pessoa para pessoa:
Necessidade: água, luz, aluguel, internet…
Desejo (criado por nós e/ou pelos outros): carro, roupas novas e almoço em restaurante todo dia.
Demanda: TV a cabo, computador (ou seria necessidade?), microondas…
Se eu tenho um desejo de comprar um carro eu preciso cortar o resto dos meus desejos, demandar menos de outros custos e gastos para conseguir juntar o dinheiro e pagar as minhas necessidades básicas para viver.
Um exemplo bobo mas que se colocarmos em prática pode ajudar. Comigo foi assim:
Vou casar e meu dinheiro é prioritário para: minhas necessidades + casamento. Fim.
O que passar disso (lazer, burguer king, roupa nova etc…) é um desejo que está “ocupando espaço” e gastando o dinheiro que era para outra coisa…
Onde quero chegar?
Não perca o foco! Não vire um consumista inconsequente e seja sábio nas suas finanças. Para complementar, aqui eu te dou uma dica leve de fazer uma poupança e uma ferramenta para você conseguir categorizar seus custos e aqui dicas de produtividade.